Quem Somos | Tribuna Popular

Quem Somos

 

 

O Jornal Tribuna Popular iniciou-se no mês de setembro de 2001 com o “jornalismo sem censura”. Um grupo de amigos, formadores de opinião, posicionou-se diante da situação caótica que na época imperava na cidade com a era da gestão “Silva”. Havia desmandos e perseguições à oposição quando o Jornal Tribuna Popular teve sua primeira edição impressa publicada em 24 de setembro de 2001 com o título “Perseguição – Professores denunciam compra ilegal de livros e prefeitura responde com represálias”.

Na época o TP tornou-se o mais importante veiculo de divulgação dos pensamentos e denúncias da oposição, vindo a incomodar os setores governistas. Foram 12 meses resistindo às perseguições, processos judiciais e sabotagens dos governantes, mas a missão foi cumprida. Várias das denúncias motivaram o Ministério Público a ajuizar ações que resultaram em condenações por improbidade administrativa e corrupções. Em 2002 foi rodada a última edição na versão impressa, a de número 50, publicada em 10 de outubro de 2002, como um dos títulos “Paulo Mac Donald responsabiliza o PMDB por Foz não ter deputado federal”.

O grupo de jornalistas até a data de hoje permanece na área de comunicação. Uns trabalham em radio, alguns ainda redigem matérias, e outros já se adaptaram e estão na era digital. Os embates da época nunca foram esquecidos.

A cidade vive um novo momento, porém alguns remanescentes da velha politicagem estão tentando reaparecer, à sombra de “políticos matreiros”, como lobo em pele de carneiro. É hora de mostrar quem é quem. A nova missão é separar o joio do trigo, desmascarar os lobos e alertar para que a cidade não corra o risco de sofrer um retrocesso. 

Jornal Tribuna Popular