Receita Federal faz balanço parcial da Operação Muralha | Tribuna Popular

Receita Federal faz balanço parcial da Operação Muralha

Data: 16/05/2018 - 21:05 | Categoria: Segurança |   Bookmark and Share

As apreensões ultrapassaram sete milhões de reais nesta segunda semana da Operação Muralha 2018

As atividades de fiscalização realizadas no âmbito da Operação Muralha vêm atingindo o objetivo de fortalecer o Estado, por meio da integração entre a Receita Federal e as forças atuantes, no combate aos crimes de fronteira, elevando a percepção de risco e a presença fiscal nesta região da tríplice fronteira.

No período de 30 de abril a 13 de maio, que corresponde aos primeiros quatorze dias da Operação Muralha, as atividades na região oeste do Paraná foram realizadas principalmente na barreira de fiscalização instalada próximo à praça de pedágio situada no município de São Miguel do Iguaçu/PR e em estradas secundárias da região.

Os resultados obtidos nestas primeiras duas semanas foram bastante expressivos, tendo sido apreendidos até o momento: 325.500 maços de cigarros, 1.045 quilos de maconha; uma arma e 74 munições; 41 unidades de medicamentos e anabolizantes e aproximadamente R$ 7,32 milhões em mercadorias; ainda 9 prisões em flagrante. Além disso, foram retidos 39 veículos, sendo 17 veículos de passeio, 21 ônibus e um caminhão.

O maior destaque fica por conta dos mais de sete milhões de reais em mercadorias apreendidas, valor que representa um crescimento de 225% com relação ao mesmo período da última Operação Muralha, realizada no final do ano de 2017. O aumento se deve à grande quantidade de eletrônicos, principalmente celulares de alto valor, que foram apreendidos nestas duas semanas. Somente em um ônibus de turismo, foram apreendidos R$ 1,680 milhões destes produtos.

Além disto, a quantidade de ônibus apreendidos aumentou 425% com relação à fase anterior da operação. Este aumento se deve à formação de alguns pequenos comboios que utilizam desta artimanha para passar pela barreira; e ao transporte de mercadorias ocultas ou em fundo falso que gera perdimento do veículo.

Quanto a apreensão de drogas, houve um aumento expressivo na quantidade, destaque para a de maconha que teve um acréscimo de 1.860%. Ao todo foram apreendidos 1.045 kg de maconha e 68,3 kg de haxixe. Destaque para o uso continuo e massivo dos cães de faro que têm obtido grande êxito nas apreensões de drogas, principalmente maconha que tem tido maior ocorrência. Caso inusitado é o de dois ciclistas que passaram pela barreira em suas bicicletas com o intuito de ludibriar a fiscalização, porém foram flagrados transportando alguns quilos de maconha em suas mochilas.

A Operação Muralha, desenvolvida na região de Foz do Iguaçu, iniciou sua primeira fase no ano em 30/04/18. As ações estão sendo desenvolvidas na barreira fixa montada próxima ao pedágio de São Miguel do Iguaçu/PR, com revezamento de equipes nas 24h do dia, e nas estradas vicinais, lago do reservatório de Itaipu e Rio Paraná através de incursões das equipes volantes de prontidão.

Essa iniciativa está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalizações atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros.

Participam da Operação a Receita Federal, Polícia Federal, Força Nacional, Polícia Rodoviária Federal, Exército, Marinha, Aeronáutica, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Agência Brasileira de Inteligência (ABIN), Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Polícia Militar do Paraná, Polícia Civil e Departamento de Inteligência do Estado do Paraná - DIEP), Ministério Público Estadual e GGIFRON-PR.

Fonte e Fotos: Assessoria de Comunicação - ALF/Foz do Iguaçu

Atenção

A reprodução das fotos do Portal de Notícias Tribuna Popular com endereço digital jtribunapopular.com.br está expressamente proibida.

As fotos são protegidos pela legislação brasileira, em especial pela Lei de Direitos Autorais (Lei Federal 9.610/98) e é um direito de imagem garantida por lei.

A Tribuna Popular retém os direitos autorais do conjunto de textos e fotos publicados no site conforme a lei 9.610 de 19/02/1998.

Para a reprodução do conteúdo fora das condições especificadas entrar em contato com o seguinte e-mail jtribunapopular@bol.com.br