Marcio Rosa diz que o prefeito Chico deveria devolver R$ 45 mil de aluguel irregular | Tribuna Popular

Marcio Rosa diz que o prefeito Chico deveria devolver R$ 45 mil de aluguel irregular

Data: 12/08/2019 - 21:08 | Categoria: Política |   Bookmark and Share

Vereador exigiu do prefeito a devolução dos R$ 45 mil pagos de maneira irregular; sindicância feita pela prefeitura não identificou os responsáveis, mas quem assinou o documento foi o prefeito Chico

A falta de informação da Prefeitura de Foz do Iguaçu sobre o aluguel de um imóvel nunca utilizado pelo Município foi alvo de duras críticas durante sessão ordinária da Câmara Municipal realizada no último dia 16 de julho. Alugado por um ano, o prédio que deveria ser utilizado para funcionamento do Centro de Atenção Psicossocial 2 (Caps 2) ficou vazio por nove meses. A transação causou um prejuízo de R$ 45 mil aos cofres públicos.

Na avaliação do vereador Márcio Rosa, cabe ao prefeito Chico Brasileiro responder pelo ocorrido. "Isso é dinheiro do povo que pagou imposto e que teve o recurso jogado no lixo. Chega deste descaso. Alguém assinou. O prefeito assinou, o secretário assinou, o diretor assinou. Como não se sabe quem é o responsável por todo esse prejuízo?", questionou Márcio Rosa ao fazer uso da tribuna da Casa de Leis.

Em março, o prefeito Chico Brasileiro determinou a abertura de uma sindicância para apurar porque o prédio foi alugado e não chegou a ser usado. Como a sindicância não apontou nenhum responsável, a prefeitura deve investigar o caso novamente. O novo prazo para que a investigação interna seja concluída vencerá em setembro.

"Os responsáveis precisam ser identificados e o dinheiro devolvido. Que prefeitura que a gente tá vivendo? Isso cabe inclusive a abertura de uma CPI para investigarmos e responsabilizarmos os culpados. É uma vergonha", criticou o parlamentar.

Fonte:

http://www.jtribunapopular.com.br/uploads/publicacoes/jornal-tribuna-popular-edicao-264-pdf.pdf   





Atenção

A reprodução das fotos do Portal de Notícias Tribuna Popular com endereço digital jtribunapopular.com.br está expressamente proibida.

As fotos são protegidos pela legislação brasileira, em especial pela Lei de Direitos Autorais (Lei Federal 9.610/98) e é um direito de imagem garantida por lei.

A Tribuna Popular retém os direitos autorais do conjunto de textos e fotos publicados no site conforme a lei 9.610 de 19/02/1998.

Para a reprodução do conteúdo fora das condições especificadas entrar em contato com o seguinte e-mail jtribunapopular@bol.com.br