Lavação de roupa suja no Podemos envergonhou a direção regional | Tribuna Popular

Lavação de roupa suja no Podemos envergonhou a direção regional

Data: 19/12/2017 - 19:12 | Categoria: Política |   Bookmark and Share

Decisão arbitrária de Álvaro Dias desagradou todo o grupo do Podemos que pode sofrer debandada.

As consequências da jogada política no Podemos, com aval do senador Álvaro Dias, terá como consequência uma debandada geral do partido em Foz do Iguaçu. Quem vai ficar na agremiação que passa a ser presidida pelo Coronel Jahnke que é do regime militar e sob as sombras de Nanci Rafagnin Andreola?

A situação é tão grave que na mesma reunião em que empossaram Jahnke de surpresa, o que se viu foi uma lavação de roupa suja. O fato deprimente para um partido envergonhou a direção regional. Reagindo contra o verdadeiro golpe, Sidney de Oliveira Novaes Junior, servidor público federal, liderança destacada do Podemos e ligado ao grupo de Luizinho e Anice, fez um pronunciamento contundente a respeito da ordem de afastamento dos vereadores do partido processados na Operação Pecúlio.

Sobre a atitude de Álvaro Dias, considerou reprovável: "Ele não ouviu as pessoas que foram afastadas. Ele agiu, unilateralmente, sem dar o direito de defesa. Isso não é democracia. Gostaria que esse recado chegasse até ele, pois se ao menos ele ouvisse e estivesse aqui, ele saberia o que as pessoas passaram e o que eu passei. Fui preso, processado e afastado da minha função por seis anos. Até que alguém viesse até mim e falasse: "Desculpa, foi um engano." E isso vai acontecer com eles também.

Então deveria ter um pouco de humildade do senador e ouvir as outras partes. Ele poderia convocar as pessoas e questionar quais foram as intenções delas". E prosseguiu: "Por ser amigo dessas pessoas e por saber o que elas estão passando, igualmente o que eu passei, por uma grande injustiça, fui tirado do meu cargo. Mas graças a Deus eu não dependo disso, graças a Deus tenho meu emprego. O partido que antes era uma família, que eu tenho grande orgulho de dizer a família que era, hoje, é um partido, literalmente partido. Separado".

Em defesa de Jacira Camboim

Sidney falou em defesa de Jacira Camboin. "A grande líder desse partido está ali atrás. Vocês estão aqui por que ela convocou. Vocês pediram a presença da mulher na política. Ela deveria estar, ela merece. Essa mulher ajudou muito nesse partido, ela ajudou muito no Podemos. Mas aí como você disse, as conspirações revelam líderes mas também revelam caráter. Infelizmente".

"Nas conspirações percebemos o caráter de certas pessoas. O tempo vai te mostrar o que eu estou te falando. Você recebeu um arquivo que acabei de te mandar. Espero que chegue ao senador, e aí ele vai entender o que eu quero dizer. Como antes não quiseram ouvir minha voz, eu também não quero ouvir a voz de ninguém. Só queria dar o meu recado e quero dizer que infelizmente estamos hoje um partido, literalmente partido, e não algo novo".

Fonte:

http://www.jtribunapopular.com.br/uploads/publicacoes/jornal-tribuna-popular-edicao-223-pdf.pdf   

Atenção

A reprodução das fotos do Portal de Notícias Tribuna Popular com endereço digital jtribunapopular.com.br está expressamente proibida.

As fotos são protegidos pela legislação brasileira, em especial pela Lei de Direitos Autorais (Lei Federal 9.610/98) e é um direito de imagem garantida por lei.

A Tribuna Popular retém os direitos autorais do conjunto de textos e fotos publicados no site conforme a lei 9.610 de 19/02/1998.

Para a reprodução do conteúdo fora das condições especificadas entrar em contato com o seguinte e-mail jtribunapopular@bol.com.br