Estado Islâmico tinha plano para atacar Olimpíadas, afirmam autoridades | Tribuna Popular

Estado Islâmico tinha plano para atacar Olimpíadas, afirmam autoridades

Data: 13/07/2016 - 13:07 | Categoria: Internacional |   Bookmark and Share

Brasileiro membro do grupo teria planejado atacar delegação. Autoridades francesas afirmam que terroristas do Estado Islâmico teriam planejado um ataque durante os Jogos Olímpicos do Rio.

De acordo com o jornal português Diário de Notícias, investigações da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investiga os atentados realizados em novembro de 2015 desmantelaram o plano.

O DRM (Direção de Inteligência Militar, na sigla francesa), que se reuniu a portas fechadas em maio por ocasião das investigações dos ataques ocorridos no ano passado, confirmou a informação.

O general Christophe Gomart, diretor do órgão, afirma que as autoridades descobriram ações de um brasileiro, militante da organização terrorista, que tinha objetivo de atacar a delegação francesa.

A audição do general foi publicada na última terça-feira (12) no site da Assembléia Nacional da França. O jornal francês Liberation afirma que, inicialmente, as informações sobre o suposto terrorista brasileiro não deveriam ter sido publicadas.

O DRM não deu detalhes sobre a identificação do brasileiro, nem sobre sua detenção ou localização exata. Gomart não revelou o modo como o serviço de segurança conseguiu chegar ao suposto terrorista, apenas dizendo que teve fontes ‘parceiras’ nas investigações. (por Norberto Libertador / Diário de Noticias)

 

Atenção

A reprodução das fotos do Portal de Notícias Tribuna Popular com endereço digital jtribunapopular.com.br está expressamente proibida.

As fotos são protegidos pela legislação brasileira, em especial pela Lei de Direitos Autorais (Lei Federal 9.610/98) e é um direito de imagem garantida por lei.

A Tribuna Popular retém os direitos autorais do conjunto de textos e fotos publicados no site conforme a lei 9.610 de 19/02/1998.

Para a reprodução do conteúdo fora das condições especificadas entrar em contato com o seguinte e-mail jtribunapopular@bol.com.br